EXCLUSIVO: Entrevista com a Joycinha

Depois de um tempo sem ter entrevistas, voltamos com elas. Hoje, a nossa entrevistada é uma jogadora muito especial e importante. Ela já passou pela equipe mais forte do vôlei brasileiro feminino: o Unilever.  Vamos saber como ela começou sua vida no vôlei.

Nascida em 13 de junho de 1984, oyce Gomes da Silva, mais conhecida como Joycinha,é jogadora de vôlei atua como oposto e atualmente atua no time Vôlei Futuro de Araçatuba.

Quando Joycinha assistiu pela primeira vez a um jogo da Seleção Brasileira masculina, ela teve a certeza de que o vôlei entraria em sua vida. Isso foi em 1998, em Guarulhos, e ela viu de perto craques como Giba e Kid. Até então, ela jamais havia acompanhado uma partida sequer. Inspirada e encorajada por uma amiga, começou a jogar pelo time do colégio e algum tempo depois, já impressionava a todos pela sua altura, possuindo quase 1,80 com apenas 14 anos. Logo passou a defender o time de sua cidade pela Associação Atlética de Guarulhos. Para concretizar seu sonho, Joycinha levava uma hora de ônibus de sua casa até o colégio, e seguia, andando, para o clube. Em 2003, assinou com o Minas Tênis Clube para disputar então, pela primeira vez, a Superliga Brasileira de Voleibol.

ENTREVISTA:

1- Com que idade começou a jogar vôlei e qual foi a 1ª equipe profissional que você defendeu?

14 anos. No Minas Tênis Clube.

2- Por que escolheu jogar no Vôlei Futuro?

Pela oportunidade de conhecer a estrutura,conhecer a cidade, a torcida.

3- Qual o principal motivo da sua renovação com o time do Vôlei Futuro?

Eu já tinha um contrato de 2 anos.  

4- O que você está achando de Araçatuba? 

É bem diferente de outras cidades que já joguei. Sempre joguei em capitais, nunca joguei no interior. Pra mim continua sendo uma experiência nova gosto muito de Araçatuba.

5- Qual a principal diferença que você percebeu em relação ao time do VF e à Unilever? 

Todos os times que já joguei são diferentes,por mais que eu esteja no mesmo time, as pessoas nunca são as mesmas. Talvez a diferença seja em ter uma rotina diferente da que eu tinha lá no Unilever.

6- Com que idade foi para a seleção?

Minha primeira vez foi aos 16 anos na seleção infanto. 

7- O que acha de jogar na seleção brasileira?

É sempre ótimo estar em uma seleção. Não existe palavras pra descrever. 

8- Vamos lembrar um pouco do passado. Descreva o acidente que ocorreu com a equipe do VF.  

Eu não gosto de falar sobre o acidente, passou e Deus sabe de todas as coisas e graças à Ele, todos nós saímos com vida. 

9- O que mais te marcou em suas temporadas pelo VF até agora? 

A união do grupo. Nosso grupo é especial, se nao for o melhor, foi um dos melhores q já tive. 

10- Qual é seu ídolo? 

André Nascimento. 

11- Diga uma qualidade e um defeito seu no vôlei. 

Qualidade é o ataque, defeito, kkkk não posso entregar o ouro ao bandido kkkkkk mas tem vários kkkk. 

12- Defina com poucas palavras:

Araçatuba – calor 

Vôlei Futuro – crescimento 

Torcida do VF – contagiante

13- O @V_Konagai quer saber se você sempre quis ser oposta. 

Eu era meio até os 18,19 anos, depois comecei como oposta e gosto muito da minha posição.

14- Diga o que você quiser para a torcida do Vôlei Futuro. 

A torcida do Vôlei Futuro realmente é o 13º jogador, super contagiante!!! 

Agradeço por responder às perguntas. Esperamos que você possa ficar por muitoo tempo em nossa cidade. Boa sorte à equipe e fique com DEUS!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s